Dica de site que pode ser aliado nos estudos de física

A Física costuma ser uma das disciplinas que mais dá dor de cabeça aos jovens no ensino médio. Repleta de leis, fórmulas e cálculos, exige, além do conhecimento específico, um raciocínio lógico por parte do estudante.

Por ser uma matéria de exatas, revisar bem os conteúdos vistos em sala de aula e resolver diferentes questões é essencial para absorver os assuntos de forma eficiente. Ser criativo no pós-aula também conta bastante no aprendizado final. Uma alternativa que vem crescendo entre os alunos é recorrer à diversidade da internet.

No site Descomplica, por exemplo, o estudante pode acessar videoaulas que abrangem diferentes módulos da Física e de outras disciplinas expostas de maneira simplificada e lúdica. Além das aulas ao vivo, o aluno também pode acessar o material gravado, pausando o vídeo a qualquer momento ou voltando para entender melhor o que foi dito. Outra ferramenta disponível são as monitorias e fóruns online, nos quais o aluno conta com uma equipe de prontidão para tirar suas dúvidas.

Foi justamente a disciplina de Newton, Einsten e tanto cientistas famosos que deu surgimento ao Descomplica. O fundador Marco Fisbhen trabalhou como professor de Física por 15 anos e percebeu uma grande demanda para tirar dúvidas dos alunos. Como nem sempre tinha tempo para falar com todos eles, começou a gravar aulas online. Com o enorme sucesso, Marco convidou alguns colegas e lançou o portal em 2011, com todas as matérias vistas no Ensino Médio.

No site, existem diversas opções para o estudo da Física que se adequam às diferentes rotinas de estudos. Há o curso extensivo com 30 módulos, para quem deseja uma preparação mais aprofundada, o curso resumido para o Enem de 2014, o de resolução de questões e as aulas particulares.

Dica de site: Descomplica

Nenhum comentário:
Postar um comentário

Leia antes de comentar:

1 - Comentários ofensivos, escritos em CAIXA-ALTA, spam e similares serão deletados.
2 - O autor deste blog não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem as do autor do blog.