Livro – Introdução à Mecânica Clássica

Nos primeiros semestres do curso de Física nos deparamos com a Mecânica Clássica vista de uma maneira bem diferente do que estamos acostumados no ensino médio. Se o aluno não estiver estudando cálculo diferencial e integral, geometria analítica e não tiver um bom manual de Mecânica Clássica estas primeiras disciplinas podem ser muito mais difíceis do que realmente são.

Recebi da Editora Livraria da Física um bom livro para o estudo da Mecânica Clássica e que pode ajudar e muito nestas primeiras disciplinas do curso de Física. Abaixo um trecho do prefácio e algumas informações deste livro.

 

Introdução à Mecânica Clássica

"A Mecânica Clássica representa um primeiro passo para quem começa a estudar Física Teórica. Podemos dizer que neste caso, o primeiro passo, como em muitas outras situações da vida, é o mais importante. Na verdade, os mesmo assuntos tratados em Mecânica são frequentemente abordados em outros cursos, como Eletrodinâmica, Mecânica Quântica ou Mecânica Estatística. É claro que nesses cursos os mesmos conceitos aparecem numa forma mais sofisticada e às vezes mais interessante. Ao mesmo tempo, quase sempre isso implica que a mesma forma é mais complicada e às vezes mais difícil de aprender. Por isso, quem estudou bem Mecânica Clássica leva uma vantagem e pode aprender melhor outras disciplinas.

O curso de Mecânica Clássica para estudantes de física é tradicionalmente dividido em duas partes. A primeira parte é mais simples do que a segunda, esta última normalmente chamada de Mecânica Analítica. Nesta disciplina, os instrumentos matemáticos e teóricos utilizados são mais complicados e isso permite considerar os assuntos numa forma mais geral e profunda. Ao mesmo tempo, para muitos alunos é importante iniciar o estudo da Mecânica Analítica com preparação adequada, e para tal, o curso de Física I geralmente não é suficiente. Para suprir essa deficiência, existe o curso de Mecânica Clássica I, o assunto do presente livro. A principal diferença entre os cursos de Mecânica Clássica e de Mecânica Analítica é que no primeiro caso as opções mais limitadas para o uso dos métodos matemáticos deixam mais espaço para a intuição física. Daí a conveniência de se estudar Mecânica Clássica I antes de Mecânica Analítica.

Acreditamos que os livros-textos dirigidos aos alunos devem possuir uma importante qualidade: eles têm que levar em conta as realidades da vida acadêmica, quando o aluno tem muitas disciplinas para estudar num tempo reduzido. Por isso os livros-textos devem ser suficientemente breves. No presente livro, nós tentamos ser tão breves o quanto possível e o objetivo principal foi evitar, por exemplo, escrever três páginas onde uma página já é o suficiente. Então, o livro é técnico e tem como objetivo esclarecer as principais noções e mostrar como resolver problemas de dificuldade considerada padrão, além dos problemas mais difíceis.
Esperamos que o livro seja útil e desejamos aos leitores um bom estudo de Mecânica Clássica."

Autores:
Ilya Lvovich Shapiro
Guilherme de Berredo Peixoto
Área Mecânica
Idioma português
Número de páginas 248
Edição 1A. ED - 2011

Para adquirir este livro entre no site da Editora Livraria da Física.

Este é um post da série "Livros de Física".

Se você gostou, assine o blog e receba nossas atualizações por e-mail. Você também pode seguir o  Efeito Joule no Twitter ou no Facebook.

Nenhum comentário:
Postar um comentário

Leia antes de comentar:

1 - Comentários ofensivos, escritos em CAIXA-ALTA, spam e similares serão deletados.
2 - O autor deste blog não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem as do autor do blog.