Livro - Filosofia da Educação Matemática


A organizadora é professora titular de Filosofia da Educação na UNESP, professora do programa de Pós-Graduação em Educação Matemática da UNESP – Rio Claro. Pesquisadora do CNPq e coordenadora do grupo de pesquisa FEM.

Depois de ler os primeiros capítulos percebi o quanto este livro será útil para meu trabalho como educador. Para entender um pouco o que eu senti, ao ler os primeiros capítulos, deixo abaixo um pequeno trecho do prefácio escrito por Angela Ales Bello:

“É claro que para ensinar as diferentes disciplinas são necessárias três coisas: em primeiro lugar, conhecer as próprias disciplinas; em segundo, interessar-se pelos problemas pedagógicos; e, em terceiro, adequar os processos pedagógicos à capacidade de aprendizagem dos estudantes, conhecendo os problemas da Psicologia. Tudo isso, no entanto, não é suficiente. Tanto a Pedagogia como a Psicologia exigem atenção aos processos de aprendizagem inerentes aos seres humanos, para cuja compreensão de todos os aspectos, em última análise, torna-se necessário o conhecimento de algumas linhas fundamentais da Antropologia Filosófica.

O campo dos conhecimentos requeridos para quem pretende ensinar é, portanto, de fato muito amplo: vai da epistemologia das ciências, passando pelo tema das modalidades do conhecer humano, à constituição antropológica, psicológica e pedagógica do ser humano, e requer, em decorrência, competência em muitos setores.

Os autores das contribuições presentes neste livro possuem tais competências. Partindo de um problema específico, didático e prático, compreenderam muito bem que é necessária, ainda, uma teoria não só referente à disciplina ensinada, mas ao modo de ensiná-la, e entenderam que é necessária uma circularidade entre teoria e prática, que se expande em círculos sempre mais amplos, incluindo não só questões antropológicas de teor filosófico, mas abrindo-se também ao conhecimento dos processos culturais e sociais.

O encontro com essa filosofia particular que é a Fenomenologia possibilitou aos autores deste livro situar-se num terreno fértil sob todos os pontos de vista indicados. Pode-se afirmar que o enfoque filosófico, aplicado ao contexto do estudo da Matemática, tem dupla direção; a pesquisa teórica da própria Matemática – a Filosofia da Matemática como investigação do significado dessa ciência -, e a pesquisa filosófica dos fundamentos e processos cognitivos do ser humano, que remete, por sua vez, à investigação da estrutura humana. E tudo isso está muito bem expresso no título do livro.”

Mais informações:
Título: Filosofia da Educação Matemática
Assunto: Matemática; Fenomenologia; Possibilidades Didático-Pedagógicas
Ano: 2010
Páginas: 242
Editora: UNESP

O livro pode ser adquirido no site da Livraria UNESP

Este é um post da dérie "Livros de Física".


Se você gostou do blog, siga o Efeito Joule  Twitter, no Facebook ou receba as atualizações por e-mail
Um comentário:

Leia antes de comentar:

1 - Comentários ofensivos, escritos em CAIXA-ALTA, spam e similares serão deletados.
2 - O autor deste blog não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem as do autor do blog.