Exercício resolvido: Leis de Newton

Exercício resolvido de Física, leis de Newton, exercício da FUVEST. Questão que exige conhecimentos de cinemática, aceleração média e leis de Newton.

(Leis de Newton) Um corpo de massa igual a 3,0 kg está sob a ação de uma força horizontal constante. Ele se desloca num plano horizontal, sem atrito e sua velocidade aumenta de 2,0 m/s em 4,0s. A intensidade da força vale:

a) 3/8 N
b) 1,5 N
c) 3,0 N
d) 6,0 N
e) 24 N



Resolução:

De acordo com a segunda lei de Newton:

F = m.a

Logo, para calcularmos a intensidade da força temos que calcular a aceleração do corpo.

a = ΔV / Δt
a = 2 / 4
a = 0,5 m/s2

Agora podemos calcular a força:

F = m.a
F = 3 . 0,5
F = 1,5 N

Resposta: b


Se você gostou do blog, siga o Efeito Joule  Twitter, no Facebook ou receba as atualizações por e-mail

Você também vai gostar de ler:
44 comentários:
  1. Gostei mto da esplicação , i vamu ver se vai ajudar na minha prova de amanhãa

    ResponderExcluir
  2. Tinha um texto do blog de voces no enem hoje ;)

    ResponderExcluir
  3. poxa,gostei da explicação.. tem mais questtões?

    ResponderExcluir
  4. Eu tenho uma duvida...

    O exercicio pede a intensidade da força...

    logo... intensidade da força é igual a :

    i=F.Δt ?

    Eu interpretei errado, ou foi erro do enunciado ?

    (pq a minha resposta se levar em conta a variaçao do tempo vai ser igual a 6 newton)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro amigo, a força se mede através da Fórmula; Força= massa x aceleração, logo que aceleração se calcula; aceleração= velocidade/tempo.
      Portanto, é preciso calcular a massa para depois se calcular a Força. Quem quiser tirar mais dúvidas sobre qualquer coisa mande um e-mail para: guilhermyb.teixeira@hotmail.com.

      Excluir
    2. A minha resposta esta dando 6 newton tb pois:
      a = ΔV / Δt
      a = 2 / 4
      a=2
      assim temos a força:

      F = m.a
      F = 3 . 2
      F = 6 N

      Excluir
    3. nao , pois sera 2/4 vai ter que colocar um 0 e uma virgula e continuar
      a conta

      Excluir
  5. isto me ajudou muito para a minha prova
    obrigada :)

    ResponderExcluir
  6. Voces poderiam colocar mais exercícios desse tipo, mas parabéns, esse exercicio está ótimo!!

    ResponderExcluir
  7. quero fazer uma questão para vcs resolvelas aquestão e essa aki.

    um bloco de massa 10kg é arrastado por uma força horizontal de 30N por um deslocamento de 5m.Calcule o Trabalho realizado por essa força.Dado:cos0=0,5

    ResponderExcluir
  8. Muito bom vai servir bastante pra mim amanhã vlw

    ResponderExcluir
  9. quero fazer uma questão para vcs resolvelas aquestão e essa aki.
    ex: um corpo se desloca 2,0 m em linha reta sob a ação de uma força de atrito de intensidade 10 N. Qual foi o trabalho do atrito?

    1) no ultimo exemplo dado, qual o valor da força que deveria ser aplicada no bloco de gelo para realizar o mesmo trabalho de um deslocamento de 4 metros?

    ResponderExcluir
  10. Duas forças, F1 e F2, atuam sobre um pequeno corpo. F1 é vertical, para baixo e vale 8,0 N, enquanto F2 é Horizontal, para a direita e vale 6,0 N.
    a) Usando uma escala de 1cm: 2 N, faça uma figura mostrando os vetores que representam F1 e F2.

    ResponderExcluir
  11. Adorei a explicação...eu já estava espludindo por causa dessas leis

    ResponderExcluir
  12. cara meu emil e este: amadopower@hotmail.com podes mandar tudo que tiver pra mim sobre fisica por favor

    ResponderExcluir
  13. Gostaria de ajuda para este exercício:

    Um operário utiliza uma corda inclinada de 38º com a horizontal para puxar um caixote de madeira de 96kg sobre um piso de madeira, que apresenta coeficiente de atrito cinético kc=0,13. Qual é a força de tensão exercida na corda para que o caixote se desloque para frente com velocidade constante?

    ResponderExcluir
  14. Ajudinha na resolução deste problema:

    Uma máquina possui móvel de aço com 800g que pode se deslocar puxada por uma corda elastica ao longo de um trilho de aço de seção transversal quadrada. A peça é liberada quando a tensão na corda esticada for 20N e ela forma ângulo de 45º com a horizontal. Além da força de tensão, quais são as outras forças q atuam na peça móvel? Qual é a aceleração inicial da pela?

    ResponderExcluir
  15. Para Humberto,

    Primeiramente vamos identificar as forças atuantes no sistema:
    Peso (P)
    Normal (N)
    Força de Atrito (Fat)
    Força da corda decomposta: Fcos38º e Fsen38º

    Como o a caixa será arrastada com velocidade constante temos que a Força resultante do sistema é nula, ou seja, Fr = 0.

    Forças do eixo x:
    Fat e Fcos38º (Mesma direção mas sentidos contrários).

    Forças no eixo y:
    no sentido positivo do y, temos:
    N e Fsen38º
    no sentido negativo do y, temos:
    P
    Logo como a caixa se desloca no sentido horizontal, temos que as forças que atuam no eixo y se anulam. Como a força resultante é nula e nos interessa apenas as forças do eixo x, temos que:
    Fat = Fcos38º

    Mas Fat é coeficiente de atrito x normal, então vamos achar o valor da normal:
    N + Fsen38º = P ->
    N = P - Fsen38º

    Voltando ao eixo x , temos:
    Fat = Fcos38º ->
    0,13.(P - Fsen38º) = Fcos38º ->
    124,8 - F(0,08) = F(0,78) ->
    124,8 = F (0,78 +0,08) ->
    F = 124,8/0,86 ->
    F = 145,1 N (ou aproximando 145)

    ResponderExcluir
  16. Para Jeferson,

    As outras forças que atuam no móvel, são:

    No eixo y positivo:
    Normal(N) e componente da tensão(Tsen45º)

    No eixo y negativo:
    Peso(P)

    Aceleração da peça, basta usar 2ª lei de Newton:

    Fr = m.a ->
    a = Fr/m ->
    Mas a única força que atua para a sua movimentação na horizontal é força componente TCos45º, logo:

    Tcos45º = 800g.a ->
    a = (20xCos45º)/0,8Kg
    a = 17,67 N

    ResponderExcluir
  17. p/ Humberto

    Isolando o bloco teremos 4 forças. A Normal para cima, o Peso para baixo, o Atrito para a esquerda e a Tração para a direita fazendo um ângulo de 38 graus com a horizontal. Podemos então escrever 2 equações:

    T.cos38 = Fat
    N + T.sen38 = P

    T.cos38 = u.N eq.1
    N + T.sen38 = m.g eq.2

    Vamos adotar g=10m/s^2

    Da eq.1 temos: N = T.cos38/u
    Substituindo na eq.2

    T.cos38/u + T.sen38 = m.g
    T.cos38/0,13 + T.sen38 = 96.10
    T.cos38 + 0,13.T.sen38 = 0,13.960
    0,788.T + 0,080T = 124,8
    0,868.T = 124,8
    T = 143,78 N

    ResponderExcluir
  18. preciso de ajuda neste exercicio:

    Um foguete de massa 150000kg é lançado diretamente para cima. O motor do foguete gera empuxo de 4,0x10^6N. Considere despresível a resistência do ar e qualquer pequena perda de massa.
    (a) Determine a aceleração do foguete durante o lançamento.
    (b) Determine a velocidade do foguete ao atingir a altitude de 500m.

    ResponderExcluir
  19. p/ jeferson

    Vamos considerar g=10m/s^2

    m = 1,5x10^5 kg
    P = m.g = 1,5x10^6 N
    Fres = E - P = 4x10^6 - 1,5x10^6 = 2,5x10^6 N (resultante p/ cima)

    Fres = m.a
    a = 2,5x10^6/1,5x10^5 = 25/1,5 = 16,67 m/s^2

    V^2 = Vo^2 + 2.a.DeltaS
    V^2 = 0 + 2.16,67.500 = 16666,67
    V = 129,1 m/s

    ResponderExcluir
  20. Para Jeferson,

    Durante o lançamento o foguete terá duas forças atuando:
    Seu peso (P)
    Empuxo (E)
    Para saber sua aceleração no momento do lançamento, basta usar a 2ª lei de Newton e adotando gavidade g = 10 m/s², temos:

    (a)Fr = m.a ->
    (E - P) = 150000.a ->
    (4x10^6 - 150000 x 10) = 150000.a ->
    (4x10^6 - 1,5x10^6) = 0,15x10^6.a -> (cancela as potências 10^6)
    2,5 = 0,15.a ->
    a = 2,5/0,15 = 16,6 m/s²

    (b)Equação de Torricelli
    V² = Vo² + 2aS ->
    V² = 2.(16,6).(500) ->
    V² = 16600 ->
    V = 128,84 m/s

    ResponderExcluir
  21. gostei mt dessa apresentação, agora é só por em pratica na prova de amanhã

    ResponderExcluir
  22. Obrigado pela explcação me ajudou muiito...<3

    ResponderExcluir
  23. acho bue fixe a forma como tem ajudado a sociedade estudantil a obter conhecimento. continuem um abraço.

    ResponderExcluir
  24. gosto da forma como os exercicios tem sido resolvidos

    ResponderExcluir
  25. Um bloco de massa0,60kg é abandonado, a partir do repouso, no Ponto A de uma pista no plano vertical. O ponto A está a 2,0m de altura da base da pista, onde está uma mola de constante eslástica 150N/m. São despreziveis os efeitos do atrito e adota-se g=10m/s².
    A maxima compressão da mola vale, em metros:

    ResponderExcluir
  26. Peço -vos que o que puderam enviar-me sobre Fisica e Matemátia enviem por favor em Jesusmidio@gmail.com

    ResponderExcluir
  27. No passado, cavalos puxavam barcaças em canais. Suponha que o cavalo puxe o cabo com uma força de módulo 7900 N e ângulo Q=18° em relação à direção do movimento da barcaça, que se desloca no sentido positivo de um eixo x. A massa da barcaça é de 9500 Kg e o módulo de sua aceleração é de 0,12 m/s². Quais são (a) o módulo e (b) a orientação (em relação ao sentido positivo do eixo x) da força exercida pela água sobre a barcaça?

    ResponderExcluir
  28. No passado, cavalos puxavam barcaças em canais. Suponha que o cavalo puxe o cabo com uma força de módulo 7900 N e ângulo Q=18° em relação à direção do movimento da barcaça, que se desloca no sentido positivo de um eixo x. A massa da barcaça é de 9500 Kg e o módulo de sua aceleração é de 0,12 m/s². Quais são (a) o módulo e (b) a orientação (em relação ao sentido positivo do eixo x) da força exercida pela água sobre a barcaça?

    ResponderExcluir
  29. ola, estou com dificuldade em física, gostaria que, bom, se voces puderem, colocar os exercicios do livro didatico "curso de física, vol.1, autores: antônio maximo e beatriz alvarenga" da parte "leis de newton" não entendo nada que o professor explica e pelo menos agora o blog de voces foi de muita ajuda

    ResponderExcluir
  30. Gostaria de ajuda neste exercício:

    Em um plano horizontal sem atrito, existe um conjunto de tres blocos A,B,C, de massas ma=1kg, mb=2kg, mc=3kg. Em A é aplicada uma força de intensidade F=12N.
    Determine:
    A- a aceleração do sistema.
    B- a intensidade da força que A aplica em B.
    C- a intensidade da força que C aplica em B.

    Se puder ajudar, desde já agradeço.

    ResponderExcluir
  31. Gostei muito deste site aprendi mto sobre a fisica

    ResponderExcluir
  32. uma caixa d'agua cheia de dimensoes 1,5m x 0.5m e altura igual 1,om pesa 5400n. caulcule a pressao que lea exerce sobre o solo

    ResponderExcluir
  33. Atualização por email por favor
    suelensantos662@gmail.com

    ResponderExcluir
  34. Boa noite, alguém pode me ajudar a resolver uma questão por favor?
    Estática do ponto material e do corpo extenso.
    -dois copinhos de massa desprezíve (A e B) são pendurados nas extremidades de uma haste de aluminio, sendo o conjunto suspenso por um fio. O copinho da esquerda (A) com massa de 600gr, e a haste de alumínio com massa de 600gr, a gravidade =10m/s2
    A barra mede 0,3m sendo do fio para o ponto A=0,18m e do fio para a extremidade da direita ( ponto B) 0,12m
    Qual a massa do copinho B ?
    alumitec7@yahoo.com
    Zap:21964650172
    Obrigado.

    ResponderExcluir
  35. p/ Eduardo

    Supondo que o conjunto está em equilíbrio, basta fazer somatório dos momentos igual a zero

    600 x 18 = X x 12
    x = 900g

    ResponderExcluir
  36. Uma partícula de massa m, suposta invariável, que se movimenta ao longo de uma superfície horizontal lisa, tem velocidade escalar 𝑣0 no instante t=0. Sabendo-se que a força de resistência do ar é diretamente proporcional à velocidade v em qualquer instante e que K é a constante de proporcionalidade, determinar:
    a) A função velocidade
    b) A função posição
    me ajudem por favor

    ResponderExcluir

Leia antes de comentar:

1 - Comentários ofensivos, escritos em CAIXA-ALTA, spam e similares serão deletados.
2 - O autor deste blog não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem as do autor do blog.