Eletrização por atrito

Neste texto estudaderemos a eletrização por atrito, para entendere melhor este conteúdo você deve antes ler o texto eletrização, condutores e isolantes.

O processo pelo qual um corpo adquire carga elétrica é conhecido como eletrização. Quando um corpo ganha elétrons dizemos que ele foi eletrizado negativamente, pois o número de elétrons no corpo é maior que o número de prótons no mesmo. E, quando um corpo perde elétrons o número de prótons é maior que o de elétrons, então, dizemos que o corpo está positivamente eletrizado.

Se atritarmos um pedaço de flanela com um bastão de vidro, os dois corpos antes neutros, agora apresentam propriedades elétricas, dizemos então que os corpos foram eletrizados por atrito.

Na eletrização por atrito os corpos atritados ficam com cargas elétricas opostas, como por exemplo, o pedaço de flanela com cargas positivas e o bastão de vidro com cargas negativas.

Na eletrização temos apenas a transferência de elétrons. Eles estão girando ao redor do núcleo dos átomos e por isso, dependendo do material, têm facilidade para escoar de um corpo para outro.

Um bom exemplo que envolve a eletrização por atrito ocorre quando durante uma viagem em um dia muito seco, um carro fica eletrizado pelo atrito com o ar. As várias partículas de poeira, sujeira e os gases que formam o ar são atritados com a lataria do carro fazendo com que aconteça uma transferência de elétrons de um corpo para o outro. O carro fica eletrizado, pois adquire cargas elétricas ao ser atritado. Logo, ao sair do carro, um passageiro que toca a lataria pode levar um choque. Este exemplo foi ilustrado na nossa tira Vestibulário: Estudando eletrização.

Observe a animação abaixo:



Se você gostou do blog curta nossa página no Facebook ou receba as atualizações por e-mail.
26 comentários:
  1. obrigada, muito legal esse blong um resumo legal.
    Mas só uma sugestão coloca mais conteúdo com esses desenho que é muito massa!
    Patrícia Timóteo - bahia

    ResponderExcluir
  2. Na eletrização por atrito criam-se cargas eleétricas? Luana

    ResponderExcluir
  3. É correto afirmar que potenciais eléticos elevados podem ser obtidos atritando-se dois objetos feitos do mesmo material?

    ResponderExcluir
  4. Nao, a carga elétrica nao pode ser criada nunca! se for criada, desobedece o principio da conservacão da carga!

    ResponderExcluir
  5. se atritarmos dois corpos do mesmo material qual ficará com a carga negativa?

    ResponderExcluir
  6. So para coplementar, neste caso de eletrização por atrito so pod ocorrer quando ambos os objetos são isolantes (não conduzem eletricidade).

    ResponderExcluir
  7. nossa muito bom esse blog, as explicação são claras e objetivas nos faz entender melhor
    agora vou ser cliente aqui kkkk qualquer duvida já sei onde pesquisar
    parabéns !! :)

    ResponderExcluir
  8. na eletrização por atrito cria-se carga eletrica?

    ResponderExcluir
  9. Adorei o blog, com essas explicações simples, é bem mais fácil de se entender.
    Só pediria, se possível, se vocês poderiam me dar um exemplo que eu posso fazer em casa, porém pouco conhecido, estou fazendo uma pesquiza pra um trabalho, e gostaria de dar exemplos. Grata Rafaella (:

    ResponderExcluir
  10. Priscila Monmtenegro Robles17 de junho de 2010 09:48

    Não é possível criar cargas e sim transferi-las de um corpo para o outro...Priscila

    ResponderExcluir
  11. porque a franela tem a capacidade de doar eletrons e não protons?

    ResponderExcluir
  12. Por que quem se move são sempre os eletrons que estão soltos na eletrosfera, os prótons fican dentro do nucleo juntamente com os neutrons. :D

    ResponderExcluir
  13. olaa..
    gostaria de sabe se a correia do gerador de vandr graff pode ser de silicone ou terei de mudar o material do rolete inferior tambemm

    ResponderExcluir
  14. Um bastão de vidro jamais fica eletrizado negativamente pela tabela de triboeletrica quem ficaria com cargas negativas nesse caso era a flanela não o bastão. Mas no demais esta tudo muito bom.

    ResponderExcluir
  15. Patricia, o certo seria " esses desenhoS " :)

    ResponderExcluir
  16. Anne, FRANELA ???
    Isso não existe.
    O que existe é FLAnela :)

    ResponderExcluir
  17. eu achei isso errado pois na série triboelétrica de que ao atritarmos o vidro com um pedaço de flanela, que é algodão ou lã, quem fica com cargas positivas é o vidro e não a flanela.

    ResponderExcluir
  18. O vidro recebe elétrons da flanela, mas o vidro não está acima da flanela na série triboelétrica? Na verdade, eu não sei bem de que material é feito a flanela, mas a minha dúvida é se exercícios de vestibular vão me dizer qual dos materiais é maior condutor ou isolante? Abraços.

    ResponderExcluir
  19. O vidro recebe elétrons da flanela, mas o vidro não está acima da flanela na série triboelétrica? Na verdade, eu não sei bem de que material é feito a flanela, mas a minha dúvida é se exercícios de vestibular vão me dizer qual dos materiais é maior condutor ou isolante? Abraços.

    ResponderExcluir

Leia antes de comentar:

1 - Comentários ofensivos, escritos em CAIXA-ALTA, spam e similares serão deletados.
2 - O autor deste blog não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem as do autor do blog.